Quarta, 10 Abril 2019 16:50

Ágatha e Juliana podem se isolar como maiores vencedoras em João Pessoa (PB)

Ágatha (esq) comemora título da etapa de 2017/2018 em João Pessoa  (Ana Patrícia/Inovafoto/CBV) Ágatha (esq) comemora título da etapa de 2017/2018 em João Pessoa (Ana Patrícia/Inovafoto/CBV)

Da redação, no Rio de Janeiro (RJ) – 09.04.2019

Um fato que se repete com frequência nos últimos anos, durante a etapa de João Pessoa (PB) do Circuito Brasileiro Open e Superpraia, é a presença das medalhistas olímpicas Ágatha (PR) ou Juliana (CE) no lugar mais alto do pódio. A paranaense foi vencedora dos últimos três torneios da elite nacional na cidade, enquanto a santista radicada no Ceará Juliana também sustenta um histórico expressivo de vitórias consecutivas na capital.

E ambas podem quebrar uma marca nesta semana, quando a João Pessoa recebe a sétima etapa da temporada 18/19. Ágatha e Juliana possuem, cada uma, cinco títulos jogando na cidade. Se uma delas for campeã com sua respectiva parceira neste final de semana, se isola como maior vencedora dos torneios na Paraíba, superando também outras duas lendas do vôlei de praia brasileiro que já se aposentaram.

Os jogos em João Pessoa acontecem de quarta-feira (10.04) a domingo (14.04), com entrada franca na arena montada na Praia de Cabo Branco e transmissão das partidas a partir de quinta-feira pelo site voleidepraiatv.cbv.com.br, pelo Facebook da Confederação Brasileira de Voleibol, e das finais exclusivamente nos canais SporTV.

Ágatha soma cinco conquistas nacionais em João Pessoa, tendo vencido nas temporadas 12/13 e 13/14, e pelo Superpraia 2016, ao lado da antiga parceira Bárbara Seixas (RJ).  Já nas temporadas 16/17 e 17/18, venceu ao lado da atual parceira, a sergipana Duda, com quem foi campeã do Circuito Mundial e do World Tour Finals em 2018.

Já Juliana venceu em 2004, 2005, 2006, 2010 e 2011, todas ao lado da capixaba medalhista olímpica Larissa, que se aposentou em 2017. Outra atleta que fez história pelo vôlei de praia brasileiro e está empatada com Ágatha, Juliana e Larissa, com cinco conquistas, é Shelda (CE). A cearense venceu em 1994, ao lado da carioca Gerusa, e em 1998, 2000, 2002 e 2003 com Adriana Behar (RJ), em parceria marcante no esporte brasileiro.

Se no naipe feminino, são quatro atletas empatadas com cinco títulos, duas delas em atividade, no masculino o cearense Franco é o maior vencedor isolado, também com cinco conquistas e não pode ser alcançado neste final de semana por nenhum atleta em atividade. Alison (ES), Bruno Schmidt (DF), Harley (DF), Pedro Solberg (RJ) e Ricardo (BA), que estarão em ação nesta etapa, possuem cada um três conquistas.

A etapa conta com 24 duplas em cada naipe. Os 16 times mais bem colocados no ranking de entradas já estão garantidos na fase de grupos, enquanto outras oito vagas permanecem ‘abertas’ e serão decididas no torneio classificatório, inclusive com a presença de duplas estrangeiras. As mulheres jogam na quarta-feira, e os homens, no dia seguinte.

O Circuito Brasileiro 18/19 conta com sete etapas, começando em setembro de 2018 e seguindo até abril deste ano. Na primeira etapa da temporada, disputada em Palmas (TO), Hevaldo/Arthur Lanci (CE/PR) e Ana Patrícia/Rebecca (MG/CE) ficaram com a medalha de ouro. Já na segunda parada, disputada no mês de outubro, em Vila Velha (ES), títulos para Guto/Saymon (RJ/MS) e Fernanda Berti/Bárbara Seixas (RJ).

Em Campo Grande (MS), em novembro do ano passado, ouro de Pedro Solberg/Bruno Schmidt (RJ/DF) e Ágatha/Duda (PR/SE). Já em janeiro deste ano, na retomada do tour em São Luís (MA), títulos para Ricardo/Álvaro Filho (BA/PB) e Ana Patrícia/Rebecca (MG/CE), e em Fortaleza (CE), ouro para Evandro/Bruno Schmidt (RJ/DF) e Carol Solberg/Maria Elisa (RJ). Na etapa de Natal (RN), título para Ana Patrícia/Rebecca (MG/CE) e Ricardo/Álvaro Filho (BA/PB).

Além das duplas campeãs de cada etapa, também existem os campeões gerais da temporada, somando a pontuação obtida nos sete eventos. A competição distribui R$ 45 mil às duplas campeãs dos dois naipes, e todos os times na fase de grupos são premiados. Ao todo, são distribuídos quase R$ 500 mil por etapa.

TODAS AS CAMPEÃS EM JOÃO PESSOA:

1991 - João Pessoa - Franco/Roberto Lopes (CE)
1992 – João Pessoa - Rose/Roseli (RJ)e Moreira/Garrido (PE)
1993 – João Pessoa - Mônica/Adriana (RJ) e Moreira/Garrido (PE)
1994 – João Pessoa - Gerusa/Shelda (RJ/CE) e Zé Marco/Paulo Emílio (PB/BA)
1995 – João Pessoa - Jacqueline/Sandra (RJ) e Zé Marco/Emanuel (PB/PR)
1996 – João Pessoa - Jacqueline/Sandra (RJ) e Franco/Roberto Lopes (CE)
1997 – João Pessoa - Jacqueline/Sandra (RJ) e Lula/Adriano (PE)
1998 – João Pessoa - Adriana Behar/Shelda (RJ/CE) e Lula/Adriano (PE)
1999 – João Pessoa - Jacqueline/Ana Paula (RJ/MG) e Franco/Roberto Lopes (CE)
2000 – João Pessoa - Adriana Behar/Shelda (RJ/CE) e Zé Marco/Ricardo (PB/BA)
2001 – João Pessoa - Sandra/Tatiana (RJ/RS) e Ricardo/Loiola (BA/ES)
2002 – João Pessoa - Adriana Behar/Shelda (RJ/CE) e Ricardo/Emanuel (BA/PR)
2003 – João Pessoa - Adriana Behar/Shelda (RJ/CE) e Márcio/Benjamin (CE/MS)
2004 – João Pessoa - Juliana/Larissa (CE/PA) e Alex/Luizão (MS/AM)
2005 – João Pessoa - Juliana/Larissa (CE/PA) e Fabinho/Murilo (CE/PE)
2006 – João Pessoa - Juliana/Larissa (CE/PA) e Franco/Pedro Cunha (CE/RJ)
2007 – João Pessoa -  Renata/Talita (RJ/AL) e Franco/Pedro Cunha (CE/RJ)
2008 – João Pessoa – Maria Clara/Carolina (RJ) e Harley/Pedro Cunha (DF/RJ)
2009 – Joao Pessoa – Talita/Maria Elisa (AL/PE) e Alison/Harley (ES/DF)
2010 – João Pessoa – Juliana/Larissa (CE/PA) e Pedro Solberg/Harley (RJ/DF)
2011 – João Pessoa – Juliana/Larissa (CE/PA) e Billy/Bruno Schmidt (ES/DF)
2012 – João Pessoa – Taiana/Vivian (CE/PA) e Alison/Emanuel (ES/PR)
12/13 – João Pessoa – Ágatha/Bárbara Seixas (PR/RJ) e Bruno Schmidt/Pedro Solberg (DF/RJ)
13/14 – João Pessoa – Ágatha/Bárbara Seixas (PR/RJ) e Emanuel/Pedro Solberg (PR/RJ)
14/15 – João Pessoa – Maria Clara/Carolina (RJ) e Álvaro Filho/Vitor Felipe (PB)
15/16 – João Pessoa – SUPERPRAIA - Ágatha/Bárbara (PR/RJ) e Alison/Bruno Schmidt (ES/DF)
2016 –  João Pessoa - CHALLENGER – Neide/Rebecca (AL/CE) e Thiago/George (SC/PB)
16/17 – João Pessoa – Ágatha/Duda (PR/SE) e Thiago/George (SC/PB)
17/18 – João Pessoa – Ágatha/Duda (PR/SE) e Evandro/André Stein (RJ/ES)

O Banco do Brasil é o patrocinador oficial do voleibol brasileiro

Galeria de Imagens

  • CONTATO

    Tel:(41) 3022 - 3075

    End: Rua Antônio Freitas Barbosa, 145
    Capão Raso, Curitiba - PR / CEP: 81.110 - 110
    Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.

    REGRAS

    Regras de Praia

    Regras de Quadra

    Casebook

    REDES SOCIAIS

    Facebook

    Youtube

    Instagram